sexta-feira, agosto 17, 2007

Homenagem


Orgulham-me.



Os vossos corações de ossos largos
Que me pariram as asas
E moldaram um sol de plasticina
Que, na vertigem das quedas,
Não me derretesse o azul.

Esses corações
Que explodem em fogos-de-artifício
Desligando a escuridão
Arco-íris de Inverno
Nas lágrimas que vos lambem o sorriso
Que me orgulha
Meu Deus, como me orgulha!

O mais do que sou
É o que deixo em vós.

O vento corta-me as penas
E no voo arranha-me o horizonte
Mas tenho nas células tatuada
A herança genética dos novos mundos

Evado-me.

O mais que tenho
É o que levo de vós.

O olhar melífluo
Pousado sobre o mar
[Eu sei que dói mais ficar]
E nos braços força suficiente
Para o desbravar
[Eu sei que é preciso coragem para esperar]


Meus heróis de alma inteira,
Tudo o que levo na algibeira
É muita sede de mundo
E a certeza de que tenho no vosso peito fundo
O melhor motivo para voltar.

15 comentários:

marta disse...

uau!

Que bela "Homenagem"!
E volta sempre e sempre a escrever!

Beijinhos.

as-the-dust-seats disse...

qe obra :O magnifico, adorei!

as-the-dust-seats disse...

qe obra :O magnifico, adorei!

lau* disse...

volta...ficámos todos com saudades á tua espera

Cátia disse...

Ola S.,

Bonita homenagem que aqui fazes aqueles que te deram e dão tudo... Aqueles que te mesmo agora te ajudarão a saciar a sede do mundo... Aqueles que sabes que terão sempre o peito aberto para te receber... Eles estarão sempre lá para ti.

Gostei...

Beijos

happiness...moreorless disse...

Não percebi bem se o poema foi escrito por ti, mas se foi Parabéns, está mesmo sem palavras, lindo!!

=)

*****

elsa nyny disse...

Muito Lindo!!
Agora convido-te a juntar as tuas mãos por umanobreCausa!

beijitos

alguem disse...

Adorei como sempre :)

Beijinho *

Patrícia disse...

Parabéns pelo blog!!

Gostei :)
Voltarei...

Bjs

RSMC disse...

martinha, achei o blogue execelente... e não sabia que eras uma apaixonada pela poesia.
acede ao meu blogue: http://infinitomutante.blogspot.com/ e aí encontrarás muita da grande poesia, em língua portuguesa... tenho que o actualizar...
Parabéns e beijinhos
v.
velazquez@dagaz-music.com

delilah disse...

fico sempre tão entalada perante a magnitude das tuas palavras, perante a imponência da tua força, perante o charme da tua alma que só me ocorre um 'vais-me fazer falta' x')
beijao minha linda

violetta disse...

Um poema digno de o ser.
:)

Suspiros disse...

Para sempre ESTAR...
Boa semana!

:)

Luis Martino disse...

hoje entrei no teu cantinho,
só para descobrir que pequenino
sou eu no meio das tuas palavras.
com agrado mostro o meu corpo mutilado e tento desordenar frases ao acaso na esperança que lhes consigas expremer um leve sabor da minha admiraçao pela tua alma tao magnifica.

estendo-te um convite de visita ate ao meu beco sem saída, lar de um ser pequenino mas que gostaria imenso de te ver a passar por lá...

viking disse...

Quem assim consegue escrever para os seus "heróis" só pode ser um coração grande e uma alma sublime...os "heróis" que assim inspiram quisera eu tê-los para mim...
Parabéns! Ímpossível ficar indiferente!